Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Violet Clouds

Feliz Ano Novo e as tais resoluções!

Levei o dia inteiro a escrever este post. Sinto-me cansada (por um bom motivo, o Ano Novo foi fantástico) e sem muitas palavras para vos falar acerca das resoluções de Ano Novo. E sendo sincera estou a fazê-lo novamente porque para meu espanto, no meio de tanto desastre, consegui cumprir quase todos os objetivos que estabeleci para o ano de 2016.

Pintei o cabelo, fiz o exame de Biologia e Geologia (e tive positiva!) e candidatei-me à faculdade (embora não tenha entrado), desenhei um pouco mais para mim, consegui terminar a Ayumi, viajei e fui uma boa porção de vezes à praia, consegui começar as limpezas à casa (mi-la-gre!) e fui obrigada a tornar-me mais forte. E no meio disto tudo e de muito choro e desespero, aprendi muita coisa nova e fui feliz, ainda que por breves momentos, quando menos esperei. Portanto, seguindo a mesma fé que me levou a escrever um post sobre os meus objetivos para o ano novo, cá vão as ditas resoluções para 2017.

 

Retomar ao programa da perda de peso

Esta é do ano anterior... E não a cumpri. Estudar para os exames fez-me inchar imenso e por muito que pedalasse e corresse o peso e a largura não iam abaixo. Portanto a ver se retomo a este objetivo com pés e cabeça e força nas canetas. Pode ser que este ano chegue a meio da meta e fique feliz aos 95 quilos.

 

♥ Arranjar trabalho e tomar uma decisão acerca da faculdade

Já procuro trabalho há muitos anos e não tenho tido sorte, o que me conduz a começar uma turma de explicações por volta de Setembro e Outubro. Mas preciso de continuar a crescer. Quero ajudar mais em casa e ajudar-me também. Em 2016 voltei a ir aos exames e embora tenha conseguido a nota que pretendia, não foi suficiente para a candidatura. Sei que é o preço a pagar por ter desistido do futuro quando estava no secundário, mas não é razão para ficar especada ou para continuar a correr contra a mesma parede que insiste em não abrir uma porta, janela ou buraco que seja de oportunidade. Talvez se possa intitular de uma crise de valores pessoais, mas tenho pensado que talvez seja hora de rever os meus objetivos de vida e o que quero realmente fazer a respeito de educação.

 

♥ Aprender a costurar e a plantar

Costurar e plantar são duas habilidades que predominam na minha família mas que não foram ensinadas às gerações mais novas. Além de aprender mais qualquer coisinha, posso finalmente aprender a cultivar para proveito próprio e costurar ou remendar, usar tecidos que tenho cá por casa para projetos bonitos e prendas para quem mais gosto. O saber não ocupa lugar, não é?

 

Juntar dinheiro

This one is pretty self explanatory. No que toca a finanças o ano anterior foi horrível, péssimo, macabro e não quero que se repita. É necessário juntar algum dinheirito para garantir alguma qualidade de vida aos meus familiares e adaptar a casa às necessidades deles.

 

Ver neve

Esta é aquela pobre resolução que salta de um ano para o outro e nunca se concretiza. Haja saúde...

 

Viajar

Viajei mais do que esperava. Há anos que tenho ficado por casa, pela terra em que moro, sem me perder pelos encantos de Portugal. No entanto surgiu a chance de voltar a apreciar uma viagem de comboio, de ir à praia e voltar a ter a pele ligeiramente bronzeada, de vaguear e rever terras queridas. Portanto se não for pedir muito, gostava de o poder voltar a fazer este ano junto dos que mais amo.

 

Continuar com as limpezas e obras

Em terra de avós que guardam recordações e traquitanas até à vigésima quinta geração, já foi uma grande vitória começar a dar a volta a tudo o que cá temos e a separar o que nos faz falta do que pode ser dado a quem mais precisa e do que já cumpriu os seus propósitos e merece ir fora. Este ano pretendo continuar com essa saga de renovação e organização para que depois das obras em casa, possamos sentir mais alguma segurança e conforto na simplicidade do lar.

 

Voltar ao blog

Tenho saudades vossas e não vos tenho dado a devida atenção! E quero voltar e falar de mais coisas e mostrar-vos o pouco que me deslumbra do mundo!

 

Aprender a ser feliz

Aqui englobam-se todos os factores importantes. Os últimos doze meses foram de desafios, quedas e perdas. Corações partidos, dúvidas assombrosas, a grande tentação de desistir por mais que isso não vá fazer diferença nenhuma. Houve muita dor e decepção, mas houve mais razões para limpar as lágrimas e levantar-me das cinzas, pensar noutra solução. Foi um ano de crescimento. Fui feliz por breves momentos, descansei e aproveitei-os até à última gota, mas sei que tenho mesmo de começar a ser mais calma e a enfrentar os problemas de frente e com coragem.

Este ano tenho de aprender a dançar na chuva, a sorrir mais vezes, a ter mais fé e a encontrar o lado bom da vida em cada minuto, cada detalhe, cada olhar. E espero conseguir.

 

E sem mais demoras, não vos chateio mais hoje! Espero que tenham aproveitado o Reveillon e que tenham festejado muito! Desejo-vos um feliz Ano Novo repleto de saúde, paz, amor, alegria e prosperidade!

Boa noite,

Daniela

 

 

13 comentários

Comentar post

Light Purple Pointer
Follow on Bloglovin

Quem passou por cá ♥

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D