Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Violet Clouds

Pontos de vista

138975-Remember-You-re-On-Your-Own-But-Don-t-Forge

(Fonte: aqui)

Já não aguentava estar muito tempo longe e depois de muita análise, adicionei só algumas coisinhas. Gosto do blog assim. Quanto ao conteúdo, vou fazendo uma limpeza de outono aos bochechos.

Mas em respeito de filtrar conteúdo, não deverá ser necessário uma contenção ou censura.

O blog sempre representou muito aquilo que sinto e que penso. Daí querer excluír posts forçados, é porque não fazem aqui nada. O facto de me sentir novamente um alien não passa de algo que não me devia ter esquecido por estar a viver fora da vista da sociedade tanto tempo. Não me devia ter surpreendido quando saí da casca. O mundo é uma bosta. Não é inteiramente assombrado de futilidades, senão nem a blogosfera seria um bom porto de abrigo como tem sido todos estes anos e de onde tenho interagido com os melhores. But I should've known better, que nunca iria ter uma turma como tive no final do secundário.

Já devia ter noção que a sorte não se repete nas mesmas formas.

Já deveria saber que as amizades não são eternas.

E se eu queria mesmo manter tudo o que é tóxico fora da minha vida, deveria ter-me relembrado que a primeira fase desse processo ia-me deixar plantada sozinha no mundo. Mas são tudo pontos de vista.

Do lado de lá, sou uma besta para quem me conheceu há algumas semanas e uma leiga velha e fora de estilo. Para os que conviviam comigo, tornei-me anti-social e até me sinto satisfeita de ter a noção de que não quiseram pensar sequer no assunto, tal não era a importância que me davam.

E do lado de cá, depois de muito silêncio e orelhas abertas, não dou abébias a ninguém. Às vezes esqueço-me disso e passo por otária durante alguns minutos, por vezes deixo de sentir a cara de tão vermelha e fora do sério que fico. Às vezes penso que o mundo não está assim tão mau e ajo naturalmente. O que me levou mais depressa a mostrar os dentes de forma não tão amigável foi a precisão afinadíssima de tanta gente que se apercebeu desses lapsos e os aproveitou a todos. Aliás, pode-se dizer que houve uma tentativa de inferiorização em contexto de aula que me deixou francamente surpresa e chocada. Tanta coisa, em tão poucos meses.

Agora?

Estou sozinha mas espero preencher esse vazio. Mais vale assim que mal acompanhada. E é certo que alguns fatores sociais me passam a fazer alguma repulsa (não imaginam o trigger que me dá ver produtos da Mr. Wonderful e computadores da Apple...). Mas acredito que seja tudo uma questão de equilíbrio e que, se não perder o foco, brevemente estarei nos meus eixos.

O primeiro a ter de agir para mudar alguma coisa é quem quer que algo mude, certo?

4 comentários

Comentar post

A autora

foto do autor

Light Purple Pointer

Mensagens

More of me ♥

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D